sexta-feira, 3 de junho de 2011

Corrupção, Imoralidade, Irregularidades, Cargos Fantasmas, Desperdício de 3 milhões de dinheiro público para promover a Educação Sodomita. O MEC está atolado de corrupção. FORA MINISTRO PETISTA DA EDUCAÇÃO FERNANDO HADDAD.

Depois do kit contra a homofobia, MEC sofre nova crise
DE SÃO PAULO

A polêmica que envolve Antônio Palocci e que tem feito o governo de Dilma Rousseff sofrer derrotas sucessivas no Congresso atinge mais uma vez o MEC (Ministério da Educação), informa a coluna de Mônica Bergamo, publicada na Folha desta sexta-feira (íntegra disponível para assinantes do jornal e do UOL, empresa controlada pelo Grupo Folha, que edita a Folha).

Depois do kit contra a homofobia, a pasta já se debruçava ontem sobre nova crise: o problema de 26 mil funcionários contratados em hospitais universitários de maneira considerada irregular pelo TCU (Tribunal de Contas da União).

Com a derrubada da MP, no Senado, que criou a empresa pela qual eles seriam contratados, os servidores entraram num limbo jurídico. Até ontem, o MEC não sabia como resolver a questão.

Fonte: http://noticias.bol.uol.com.br/brasil/2011/06/03/depois-do-kit-contra-a-homofobia-mec-sofre-nova-crise.jhtm

Nenhum comentário:

Postar um comentário